Jaú   •  
   Página Inicial
   Associe-se
   Atendimentos
   Aniversariantes
   Acordos
   Aviso Prévio
   Recolhimento da Contribuição Sindical
   Convenções Coletivas
   Colônia e Clube
   Código de Ética
   Convênios
   Contribuições Online
   Cursos / Palestras
   Diretoria
   Eventos
   Espião Forceps
   Fale Conosco
   Galeria de Fotos
   História
   Homologação
   Links Úteis
   LEI: Auxiliar x Técnico
   Localize
   Notícias
   Seguro de Vida
   Sindicato Forte
   Telefones Úteis
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Trabalhador jauense da saúde é homenageado pela Assembleia Legislativa


Arlindo de Souza Medeiros e mais 12 colegas da saúde recebem troféu em celebração pelo Dia Estadual do Trabalhador da Saúde

A Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) recebeu mais de 700 trabalhadores nesta sexta-feira (16-05), vindos das mais diversas regiões do Estado, para prestigiar a sessão solene que a Casa promoveu aos trabalhadores da saúde pela comemoração ao Dia Estadual dos Trabalhadores da Saúde.
Entre os profissionais da saúde na casa dos deputados paulistas estava uma grupo de de Jaú, inclusive Arlindo de Souza Medeiros, ex-trabalhador da saúde no Hospital São Judas Tadeu e que foi um dos 12 homenageados em nome de toda a categoria. Arlindo foi acompanhado pela presidente do Sindsaúde de Jaú, Edna Alves, por familiares e por colegas de profissão - foram 33 anos de trabalho na saúde antes de aposentar e dedicar-se apenas ao sindicato como tesoureiro.
O ex-técnico de enfermagem Arlindo disse ficou honrado com a homenagem, a primeira que recebeu como profissional da saúde em toda sua carreira de dedicação ao próximo. Em entrevista à Federação da Saúde, ele disse que a saúde é sempre deixada de lado no país e só se lembram dela quando a pessoa está doente.
A homenagem a Arlindo foi acompanhada pelo netinho Gu, 6 anos, que esteve na Alesp. Ao final da cerimônia o garotinho resumiu o significado do prêmio que o avô e outros colegas receberam, ao dizer que o vô ganhou o troféu "porque cuidou bem das pessoas."
O menino, na sua ingenuidade infantil, explicou com a clareza de um mestre o que significa a profissão do trabalhador da saúde.

A sessão - Para dar início aos trabalhos, o deputado estadual Rafael  Silva (PDT), autor do projeto que deu origem à lei, instituindo o 12 de maio como Dia Estadual do Trabalhador da Saúde, enalteceu os trabalhadores que se dispuseram a vir de tão longe para prestigiar o evento. "Esta homenagem é em respeito ao profissional que enfrenta desafios diários para salvar vidas e luta para vencê-los; trabalhar na saúde tem que gostar, isto não é vocação, é sacerdócio", diz ele, que defende o projeto de redução de jornada para a enfermagem, alegando que é a forma de dar mais dignidade aos profissionais que convivem diariamente com a fragilidade das pessoas.
 
A solenidade contou com autoridades como Major Olímpio da Polícia Militar, deputado estadual Davi Zaia, deputado estadual Rafael Silva, autor do projeto, deputado Ubiali, vereador de Ribeirão Preto Ricardo Silva, presidente da UGT Ricardo Patah, entre outros.
 
Durante a sessão, todos que discursaram no plenário foram unânimes em defender a aprovação do projeto de redução da jornada da enfermagem para 30 horas, mas que este projeto seja vinculado à aprovação do piso nacional. "Para que isto aconteça, tem que haver mobilização da categoria", diz Ubiali, que garante que o projeto vai ser aprovado. "Vamos vencer essa luta", completa.

Para finalizar a sessão solene, o presidente da Federação da Saúde do Estado de São Paulo, Edison Laércio de Oliveira, foi categórico em dizer que os projetos da área da saúde, 30 horas e piso nacional, têm que sair da gaveta, mas a categoria tem que se mobilizar e cobrar das autoridades competentes que eles sejam aprovados. "Os governantes não podem ignorar projetos tão importantes, que visam melhorar as condições de trabalho daqueles que cuidam da nossa saúde e os trabalhadores que são formadores de opinião, este ano podem mudar o país. Lembrem-se de quem um dia nos traiu, não merece segunda chance. Isto se refere à promessa da aprovação das 30 horas para a enfermagem", finaliza Edison.

Após os discursos, foram apresentados os 12 homenageados, isto é, cada Sindicato da Saúde, filiado à Federação, levou um profissional, que esteve representando todos os trabalhadores de sua região. Saiba quem são:
 
Arlindo de Souza Medeiros - Sindicato da Saúde de Jaú
Nair de Souza Freire - Sindicato da Saúde de Araçatuba
Ana Alice Clementino do Carmo - Sindicato da Saúde de Bauru
Alcebíades da Rocha - Sindicato da Saúde de Campinas
Ronildo de Paula - Sindicato da Saúde de Franca
Carlos Roberto Ferraz Sampaio - Sindicato da Saúde de Piracicaba
Sebastião Aparecido Matias - Sindicato da Saúde de Presidente Prudente
Luci de Souza Santos - Sindicato da Saúde de Rio Claro
Vera Lúcia dos Santos - Sindicato da Saúde de Santos
Abílio Barbosa Siqueira - Sindicato da Saúde de São José do Rio Preto
Maria José de Oliveira Coelho Quirino - Sindicato da Saúde de São José dos Campos
Valdir da Silva Almeida - Sindicato da Saúde de Sorocaba

 
 
Sindicato da Saúde Jaú e Região
Rua Sebastião Ribeiro, 501 - CEP 17.201-180 - Centro - Jaú / SP
Fone (14) 3622-4131 - E-mail: sindsaudejau@uol.com.br