Jaú   •  
   Página Inicial
   Associe-se
   Atendimentos
   Aniversariantes
   Acordos
   Aviso Prévio
   Recolhimento da Contribuição Sindical
   Convenções Coletivas
   Colônia e Clube
   Código de Ética
   Convênios
   Contribuições Online
   Cursos / Palestras
   Diretoria
   Eventos
   Espião Forceps
   Fale Conosco
   Galeria de Fotos
   História
   Homologação
   Links Úteis
   LEI: Auxiliar x Técnico
   Localize
   Notícias
   Seguro de Vida
   Sindicato Forte
   Telefones Úteis
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Sindsaúde de Jaú paga companheiros em ação contra a Santa Casa de Macatuba

Iniciativa do Sindicato dos Trabalhadores da Saúde beneficiam 13 trabalhadores do período noturno. Processo também tenta beneficiar funcionários da Santa Casa e do Hospital Amaral Carvalho, ambos de Jaú

A diretoria e o Departamento Jurídico do Sindsaúde de Jaú realizou no fim de outubro o pagamento da primeira parcela dos trabalhadores da Santa Casa de Macatuba beneficiados em ação trabalhista. Treze trabalhadores que atuaram no hospital entre 2003 e 2007 receberam a diferença do adicional referente à prorrogação da hora noturna, nos termos da Súmula 60 do TST.

A presidente do Sindsaúde, Edna Alves, explica foi paga a primeira parcela da ação vencida pelo sindicato contra o hospital. A segunda parcela será paga em entre fevereiro e março de 2015. Nessa parcela inicial foram pagos R$ 33.512,67, de um total de R$ 51 mil. Vale lembrar que os trabalhadores só receberam esses valores graças ao sindicato, que entrou com a razão para representá-los na justiça.

O hospital fez acordo na justiça para pagar em 12 parcelas. Os valores foram reunidos pelo sindicato para facilitar o pagamento. Cabe ainda à Santa Casa de Macatuba pagar a diferença no depósito do FGTS referente ao período em que engloba a ação.

HAC E SANTA CASA DE JAÚ – O departamento jurídico do Sinsaúde informa que processo idêntico está na justiça contra o Hospital Amaral Carvalho de Jaú. O processo aguarda julgamento do TST (Tribunal Superior do Trabalho).

Em relação à Santa Casa de Jaú, o processo já transitou em julgado. Ou seja, está em fase de execução. Os trabalhadores beneficiados pela ação movida pelo sindicato serão informados no momento oportuno.

SAIBA MAIS - A CLT (Consolidação das Leis do Trabalho), artigo 73, § 1º, trata que a hora noturna urbana equivale a 52 (cinquenta e dois) minutos e 30 (trinta) segundos, portanto, é reduzida ao compararmos com a hora normal que equivale a 60 (sessenta) minutos. O horário noturno compreende o trabalho das 22h às 5h, mas em alguns acordos coletivos o Sindsaúde de Jaú tem obtido vitórias e estendido o horário noturno até as 7h.

 
 
Sindicato da Saúde Jaú e Região
Rua Sebastião Ribeiro, 501 - CEP 17.201-180 - Centro - Jaú / SP
Fone (14) 3622-4131 - E-mail: sindsaudejau@uol.com.br