Jaú   •  
   Página Inicial
   Associe-se
   Atendimentos
   Aniversariantes
   Acordos
   Aviso Prévio
   Recolhimento da Contribuição Sindical
   Convenções Coletivas
   Colônia e Clube
   Código de Ética
   Convênios
   Contribuições Online
   Cursos / Palestras
   Diretoria
   Eventos
   Espião Forceps
   Fale Conosco
   Galeria de Fotos
   História
   Homologação
   Links Úteis
   LEI: Auxiliar x Técnico
   Localize
   Notícias
   Seguro de Vida
   Sindicato Forte
   Telefones Úteis
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Santa Casa confirma fim de convênio com Lucy Montoro


11/11/2015

FOTO: COMÉRCIO DO JAHU

A Santa Casa de Jaú não renovará convênio com a Rede de Reabilitação Lucy Montoro e Jaú pode perder a unidade, que funciona desde 2010. Segundo informações do provedor da Santa Casa, Alcides Bernardi Júnior, o contrato com a rede, vinculada ao governo do Estado de São Paulo, vence no fim de dezembro, e a filantrópica não tem interesse em renovar o convênio.

Os cerca de dez funcionários da Lucy Montoro de Jaú, contratados pela Santa Casa, assinaram aviso prévio de dispensa ontem, e devem trabalhar somente até o início de dezembro. É possível, segundo o provedor, que a maioria seja recontratada pelo hospital. Esse trâmite seria necessário por causa de questões burocráticas e encargos trabalhistas.

A Rede Lucy Montoro de Jaú recebe R$ 1,8 milhão anualmente para custeio. Bernardi Júnior explica que o ambulatório não dá retorno para a Santa Casa, além de já ter causado prejuízo – o hospital terá de devolver ao Estado cerca de R$ 280 mil, referentes a desarranjo contratual em 2013.

“Lucy Montoro não é nosso foco. Estava atendendo média de oito pacientes de Jaú por mês, a maioria vem de fora. É algo que não é nosso foco, nosso objetivo é o hospital”, pontua o provedor.

Em contato com a reportagem, o médico Antonio Carlos de Camargo Andrade Filho, coordenador da Rede Lucy Montoro em Jaú, afirmou não ter informações sobre possível encerramento de atividades da unidade. O ambulatório atende cerca de 180 pacientes por mês, oriundos de 67 municípios.

Sequência

Boatos sobre o fim das atividades da Rede Lucy Montoro em Jaú circulam há tempos – o Comércio publicou reportagem sobre o assunto em maio. Existia a expectativa de que a unidade de Jaú fosse transferida para Botucatu, o que foi negado na ocasião.

Desta vez, a reportagem apurou que a tendência é que o ambulatório em Jaú funcione por cerca de mais um mês sob gestão da Santa Casa. A Prefeitura de Jaú estaria empenhada em intermediar a negociação entre a Rede Lucy Montoro e outra entidade gestora, processo que costuma demorar meses.

Com isso, não fica claro onde os pacientes da Lucy Montoro de Jaú passariam a ser atendidos caso a unidade encerrasse as atividades. O site da rede informa existência de cinco unidades na capital, 12 no interior (inclusive Jaú) e uma no litoral, além de unidade móvel.

Duas secretarias estaduais (Saúde e dos Direitos da Pessoa com Deficiência) são responsáveis por assuntos relacionados à Rede Lucy Montoro. Por meio de suas assessorias de imprensa, ambas as pastas atribuíram uma à outra a responsabilidade de responder sobre o assunto em questão.

 
 
Sindicato da Saúde Jaú e Região
Rua Sebastião Ribeiro, 501 - CEP 17.201-180 - Centro - Jaú / SP
Fone (14) 3622-4131 - E-mail: sindsaudejau@uol.com.br