Jaú   •  
   Página Inicial
   Associe-se
   Atendimentos
   Aniversariantes
   Acordos
   Aviso Prévio
   Recolhimento da Contribuição Sindical
   Convenções Coletivas
   Colônia e Clube
   Código de Ética
   Convênios
   Contribuições Online
   Cursos / Palestras
   Diretoria
   Eventos
   Espião Forceps
   Fale Conosco
   Galeria de Fotos
   História
   Homologação
   Links Úteis
   LEI: Auxiliar x Técnico
   Localize
   Notícias
   Seguro de Vida
   Sindicato Forte
   Sisnaturcard
   Telefones Úteis
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Saúde orienta população que vai viajar a se vacinar contra febre amarela


12/01/2017

Toda pessoa que reside ou vai viajar para regiões silvestres, rurais ou de mata, que são Áreas com Recomendação da Vacina contra febre amarela, deve se imunizar. A orientação do Ministério da Saúde se justifica porque a doença tem maior número de casos nos meses de dezembro a maio, e a transmissão é considerada possível em grande parte do Brasil.

A vacina contra a febre amarela é ofertada no Calendário Nacional do Sistema Único de Saúde (SUS) e é enviada, mensalmente, para todo o país.

Segundo a a enfermeira responsável pelo setor de imunização da Vigilância Epidemiológica, Ingrid Matos de Lima Moreira, há alguns surtos no Estado de São Paulo. “Jaú é considerada uma região endêmica de febre amarela devido a proximidade com a Rodovia Marechal Rondon. Mas não há casos em animais ou humanos. Porém, a vacina já existe e é recomendada para quem for viajar. Desde 2015, a vacina é oferecida na rede pública em dose única. É uma vacina importante, com baixa procura”.

A vacina é altamente eficaz e segura para o uso, a partir dos nove meses de idade, em residentes e viajantes a áreas endêmicas ou, a partir de seis meses de idade, em situações de surto da doença.

O vírus da febre amarela se mantém naturalmente num ciclo silvestre de transmissão, que envolve primatas não humanos (hospedeiros animais) e mosquitos silvestres.

No mês de dezembro de 2016, foi registrado um óbito por febre amarela no município de Ribeirão Preto. O caso foi acompanhado pelo Ministério da Saúde, que verificou que a pessoa morava próxima à área de mata e, consequentemente, de recomendação da vacina. Segundo o Ministério, 70% da população da cidade de Ribeirão Preto está vacinada contra a febre amarela.

Serviço

Vacina contra febre amarela

Disponível em todas as unidades básicas de saúde com sala de vacina funcionante (As unidades do Jardim São José, Pires I e Maria Luiza IV não estão com sala de vacina funcionante)

Horário: das 7h às 17h

 
 
Sindicato da Saúde Jaú e Região
Rua Sebastião Ribeiro, 501 - CEP 17.201-180 - Centro - Jaú / SP
Fone (14) 3622-4131 - E-mail: sindsaudejau@uol.com.br