Jaú   •  
   Página Inicial
   Associe-se
   Atendimentos
   Aniversariantes
   Acordos
   Aviso Prévio
   Recolhimento da Contribuição Sindical
   Convenções Coletivas
   Colônia e Clube
   Código de Ética
   Convênios
   Contribuições Online
   Cursos / Palestras
   Diretoria
   Eventos
   Espião Forceps
   Fale Conosco
   Galeria de Fotos
   História
   Homologação
   Links Úteis
   LEI: Auxiliar x Técnico
   Localize
   Notícias
   Seguro de Vida
   Sindicato Forte
   Telefones Úteis
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Presidente do Sindsaúde de Jaú fala na Tribuna da Câmara da Barra sobre supostas denúncias contra trabalhadores


 
A presidente do Sindsaúde de Jaú e Região, Edna Alves, atendeu ao requerimento feito pela Câmara de Barra Bonita e falou na Tibuna Popular na sessão da segunda-feira (25/09), Edna abordou supostas denúncias de assédio moram a funcionários do Hospital e Maternidade São José de Barra Bonita.
Denúncias de abuso de autoridade no hospital, assédio, desvio de função, falta de mão de obra em setores de enfermagem e outras teriam chegado a vereadores da Câmara da Barra, que achou por bem convocar a dirigente sindical para ouvir a representante dos trabalhadores.
Edna iniciou sua explanação lembrando que o Hospital São José tem histórico de pagar salários em atraso e que, após intervenção do sindicato junto ao financeiro da Prefeitura e à Justiça, conseguiu normalizar nos últimos meses.
Ela denunciou que o hospital tem recolhido a contribuição da mensalidade dos sócios do sindicato, mas não repassa ao sindicato - são mais de R$ 17 mil ainda não repassados, apesar do desconto na folha de pagamento.
Em seguida, Edna comentou algumas denúncias que recebeu de funcionários do Hospital São José, como falta de mão de obra suficiente para atender aos pacientes, condições insalubres e suposto assédio moral a funcionários, entre outras questões.
Vereadores também citaram denúncias que receberam e queriam ouvir da presidente do sindicato se tinham fundamento. Algumas elas disse conhecer e outras não conheciam.
Por fim, Edna sugeriu aos vereadores que fiscalizem a administração do hospital, afinal eles aprovaram repasses mensais à entidade. Ela sugeriu que a Câmara solicite documentos de prestação de contas e, se for o caso, que vá ao Ministério Público.
Edna também deu uma indicação aos vereadores para que façam pesquisa opinião sobre o atendimento do hospital junto aos moradores da Barra. E, que também façam pesquisa anônima entre os profissionais que trabalham no hospital para que eles se manifestem e façam as denúncias de assédio, de abuso de poder, de desvio de funções e outras, inclusive envolvendo questões financeiras.
A presidência da Casa de Leis e vereadores aceitaram a sugestão e devem adotar em breve a pesquisa sugerida pelo Sindsaúde.
 
  

  

  

  
 
 
SindSaúde
Rua Sebastião Ribeiro, 501 - CEP 17.201-180 - Centro - Jaú / SP
Fone (14) 3622-4131 - E-mail: sindsaudejau@uol.com.br