Jaú   •  
   Página Inicial
   Associe-se
   Atendimentos
   Aniversariantes
   Acordos
   Aviso Prévio
   Recolhimento da Contribuição Sindical
   Convenções Coletivas
   Colônia e Clube
   Código de Ética
   Convênios
   Contribuições Online
   Cursos / Palestras
   Diretoria
   Eventos
   Espião Forceps
   Fale Conosco
   Galeria de Fotos
   História
   Homologação
   Links Úteis
   LEI: Auxiliar x Técnico
   Localize
   Notícias
   Seguro de Vida
   Sindicato Forte
   Telefones Úteis
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Greve no Hospital Perlatti repercute na mídia, que cobra solução por parte das autoridades


A greve deflagrada na madrugada de hoje no Hospital Thereza Perlatti já repercute na mídia. As equipes das TVs Globo e Record, de Bauru, estiveram na frente do hospital nesta manhã para fazer a cobertura da paralisação. Em seguida, o SBT também compareceu e instantes depois o noticiário estava no ar, com o apresentador Paulo Soares cobrando o governador para que resolva o impasse da falta de repasse, inclusive lembrando que quando é para receber confete Geraldo Alckmin aparece. Na crise, sua assessoria não se manifesta. Emissoras de rádios, portal de noticia e jornal também noticiam paralisação, que não ocorria no setor da saúde em Jaú desde 1989
A presidente do Sindsaúde, Edna Alves, e funcionários deram entrevista. Funcionários pedem socorro para salvar a instituição, ao mesmo tempo em que contaram seus dramas pessoais por causa do atraso no pagamento do salário de novembro e do décimo terceiro.
Tem funcionário que corre o risco de ser preso por não poder pagar a pensão alimentícia. Em alguns casos, funcionários nem podem vir para o emprego por falta de dinheiro para ônibus ou gasolina. Outros reclamam do atraso no pagamento do aluguel, prestação de casa, compra no mercado, presente para os filhos no Natal e outras contas.
A decepção é geral com a administração do hospital, que não tem honrado os pagamentos pelo segundo mês seguido. E o temor é que nem o décimo terceiro seja pago no dia 20 de dezembro e o salário de dezembro não seja pago em janeiro
Muitos funcionários já pediram demissão, Entre eles uma senhorinha, que pediu a conta na sexta-feira esperando que faria o acerto e receberia seus direitos. Como não vai receber nada, diz que vai rasgar o aviso prévio e dar apoio à greve.

OBRIGADO POR QUEM ADERIU. E VAMOS REFORÇAR AINDA MAIS NOSSO PROTESTO EM DEFESA DO TRABALHADOR E DO PRÓPRIO HOSPITAL. QUE AS AUTORIDADES ABRAM OS OLHOS.

  

  

  

  

 
 
SindSaúde
Rua Sebastião Ribeiro, 501 - CEP 17.201-180 - Centro - Jaú / SP
Fone (14) 3622-4131 - E-mail: sindsaudejau@uol.com.br