Jaú   •  
   Página Inicial
   Associe-se
   Atendimentos
   Aniversariantes
   Acordos
   Aviso Prévio
   Recolhimento da Contribuição Sindical
   Convenções Coletivas
   Colônia e Clube
   Código de Ética
   Convênios
   Contribuições Online
   Cursos / Palestras
   Diretoria
   Eventos
   Espião Forceps
   Fale Conosco
   Galeria de Fotos
   História
   Homologação
   Links Úteis
   LEI: Auxiliar x Técnico
   Localize
   Notícias
   Seguro de Vida
   Sindicato Forte
   Telefones Úteis
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Funcionários do Hospital Thereza Perlatti decidem manter greve


Trabalhadores rejeitaram proposta de que pagamento poderá ser feito nos dias 27 ou 28 se a greve acabar já;

 

Greve continua no fim de semana e no feriado de Natal; trabalhadores e sindicalistas continuam com protesto pacifico 24 horas por dia

 

Reunidos em assembléia na tarde desta quinta-feira (21/12), funcionários da Associação Hospitalar Thereza Perlatti votaram pela continuidade da greve até que recebam o salários (de novembro e o décimo-terceiro). A aprovação foi unânime entre os representantes da categoria que atenderam à convocação.

Assim, a greve continua por tempo indeterminado. Os trabalhadores não aceitaram a proposta verbal feita pela diretoria do hospital de que poderia pagar o salário de novembro  no dia 27 ou 28 de dezembro. Não houve proposta alguma do hospital de quando será pago o abono.

 

A presidente do Sindsaúde de Jaú e Região, Edna Alves, e o advogado Felipe Celulare Marangoni apresentaram aos trabalhadores a proposta patronal.  Também foram apresentados aos profissionais da saúde em greve alguns termos de garantia para a eventualidade de a greve ser interrompida, como estabilidade de emprego aos grevistas por 90 dias, pagamento integral dos dias de greve, controle da chefia e dos não-grevistas para que evitem o bullyng contra os grevistas e outros.

 

Natal na tenda de barriga vazia -  "Por unanimidade foi aprovado que os funcionários permanecem em greve até que o pagamento se realize. Os funcionários não deram crédito à administração do hospital uma vez que o hospital não apresentou documento que comprove que o repasse do governo do Estado será feito até o dia 28."

 

Edna e o jurídico elaboraram documento no qual oficiam a Associação Hospitalar Thereza Perlatti sobre a continuidade da greve e os termos que garantem segurança aos grevistas que estão lutando em nome de todos os profissionais.

Com a continuidade da greve até a próxima a semana, os trabalhadores grevistas e a diretoria do sindicato vão passar  os próximos dias, inclusive o Natal, no movimento em defesa de todos os trabalhadores. "Estamos ao lado dos trabalhadores e vamos estar aqui durante as festas natalinas, apoiando os colegas que tiveram coragem de aderir ao movimento e lutar por todos os trabalhadores", disse Edna.

 

Campanha contra a fome - Edna Alves também reforçou o pedido da campanha "Cuidamos de Sua Saúde e Passamos Fome",cujo objetivo é arrecadar alimentos para as famílias dos funcionários que não receberam seus pagamentos e estão passando necessidades.

"Pedimos à população que auxilie esses trabalhadores e façam a doação de qualquer tipo de alimento, inclusive de quitanda e de açougue. Quem doar, favor comparecer à tenda do sindicato e entregar os produtos." Ela alerta que se a doação for feita na portaria do hospital, os alimentos ficarão para o hospital e não para os trabalhadores.

Edna agradeceu às pessoas e a uma comunidade religiosa que já fizeram suas doações, como também a algumas lanchonetes que doaram lanches e refrigerantes aos grevistas na noite de quarta-feira.

 

 

 

 

 
 
SindSaúde
Rua Sebastião Ribeiro, 501 - CEP 17.201-180 - Centro - Jaú / SP
Fone (14) 3622-4131 - E-mail: sindsaudejau@uol.com.br