Jaú   •  
   Página Inicial
   Associe-se
   Atendimentos
   Aniversariantes
   Acordos
   Aviso Prévio
   Recolhimento da Contribuição Sindical
   Convenções Coletivas
   Colônia e Clube
   Código de Ética
   Convênios
   Contribuições Online
   Cursos / Palestras
   Diretoria
   Eventos
   Espião Forceps
   Fale Conosco
   Galeria de Fotos
   História
   Homologação
   Links Úteis
   LEI: Auxiliar x Técnico
   Localize
   Notícias
   Seguro de Vida
   Sindicato Forte
   Sisnaturcard
   Telefones Úteis
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Edison de Oliveira fala em nome das Federações em seminário da UGT e destaca a necessidade de um novo sindicalismo


31/07/2018
O presidente da Federação dos Trabalhadores da Saúde do Estado de São Paulo (Federação Paulista da Saúde), Edison Laércio de Oliveira foi um dos palestrantes a falar na abertura do seminário promovido pela UGT-SP, nos dias 30, 31 de julho e 1 de agosto, em Praia Grande/SP. O ponto central dos debates é o custeio sindical e toda a crise gerada com a reforma trabalhista, implantada a partir de novembro de 2017. Em seu discurso, Edison destacou que o momento é de descoberta. “Precisamos buscar como fazer um novo modelo sindical. Viemos aqui discutir isso, como conquistar essa novíssima forma de fazer sindicalismo”, destacou ele. Deixando claro que tudo foi feito de forma premeditada para desmontar o movimento sindical, lembra que a escolha de um novo presidente da República não resolve o problema de ninguém e o que precisa ser feito é a eleição de congressistas comprometidos e que defendam os ideais trabalhistas. Novas contribuições No entendimento de Edison Oliveira, é preciso buscar a contribuição sindical no seio da categoria, senão ela é quem vai perder junto com sua entidade sindical. “Já temos na área da saúde acordos coletivos assinados e cujos os direitos devem ser cumpridos apenas para aqueles que contribuem com o Sindicato”. Esta, na verdade, é também uma forma de conscientizar o trabalhador e mostrar para ele que o Sindicato é seu representante legítimo, que trabalha por ele, mas precisa de investimento para cumprir com o seu papel. Edison destacou a confiança de que o debater vai trazer bons resultados para o movimento sindical que encontrará formas de vencer mais essa crise que a reforma trouxe para as entidades sindicais, o movimento sindical e os trabalhadores. Conheça aqui o discurso completo proferido por Edison Laércio de Oliveira.
 

 

 
 
Sindicato da Saúde Jaú e Região
Rua Sebastião Ribeiro, 501 - CEP 17.201-180 - Centro - Jaú / SP
Fone (14) 3622-4131 - E-mail: sindsaudejau@uol.com.br