Jaú   •  
   Página Inicial
   Associe-se
   Atendimentos
   Aniversariantes
   Acordos Coletivos
   Aviso Prévio
   Recolhimento da Contribuição Sindical
   Convenções Coletivas
   Colônia e Clube
   Código de Ética
   Convênios
   Contribuições Online
   Cursos / Palestras
   Diretoria
   Eventos
   Espião Forceps
   Fale Conosco
   Galeria de Fotos
   História
   Homologação
   Links Úteis
   LEI: Auxiliar x Técnico
   Localize
   Notícias
   Seguro de Vida
   Sindicato Forte
   Sisnaturcard
   Telefones Úteis
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

MPT da 15ª Região e Centrais Sindicais lançam Fórum em defesa da Liberdade Sindical


03/10/2019
 

Representantes das centrais sindicais e do Ministério Público do Trabalho (MPT) da 15ª Região vão lançar no dia 25 de outubro, em Campinas, o Fórum de Promoção da Liberdade Sindical. O objetivo é estabelecer um espaço, permanente, para que as entidades possam dialogar e avançar na efetivação de uma efetiva liberdade para atuação de sindicatos não apenas em São Paulo, mas em todo o País. O encontro será no Teatro IMA Cultural que fica na Rua João Garcia, 101, no bairro Ponte Preta, das 8h30 às 12 horas. 

O Fórum terá a participação de representantes das principais centrais sindicais do país – CUT, Força Sindical, CSB, CTB, Intersindical e UGT, e de diversas entidades sindicais localizadas em cidades do interior do Estado de São Paulo, incluindo Federações e Confederações.
Na oportunidade será proferida a palestra “Dilemas do sindicalismo: reforma trabalhista e contexto atual”, pelo Procurador Ronaldo Lima dos Santos, que atua na PRT 2ª Região e é coordenador nacional da CONALIS, a Coordenadoria Nacional de Promoção da Liberdade Sindical.
 
O presidente da Federação dos Trabalhadores da Saúde, a Federação Paulista da Saúde, Edison Laércio de Oliveira, já confirmou presença e também dos dirigentes sindicais da área da saúde representados pela entidade. Ele está acompanhando de perto a ação do MPT no Brasil. Na avaliação do presidente da Federação, a retirada do custeio sindical é uma das faces mais perversas das práticas antissindicais impostas pela reforma trabalhista, em vigor desde novembro de 2017. “Tentaram e continuam tentando enfraquecer a liberdade sindical, tirando não apenas a sua forma de custeio, mas também diversos direitos dos trabalhadores”, destaca, referindo-se às mudanças na contribuição sindical e nos direitos trabalhistas. 
 
Para o diretor de Comunicação da Federação, Luiz Carlos Vergara, “o governo só levou em consideração as propostas dos empresários. Somente elas foram acolhidas pela Câmara dos deputados”. Ele aposta que o auditório do Teatro IMA Cultural deverá estar lotado por aqueles que defendem o direito dos trabalhadores serem representados. 
 
 
 
Sindicato da Saúde Jaú e Região
Rua Sebastião Ribeiro, 501 - CEP 17.201-180 - Centro - Jaú / SP
Fone (14) 3622-4131 - E-mail: sindsaudejau@uol.com.br